Especial 20 anos Matérias

Especial 20 anos - O Fandom brasileiro

quarta-feira, abril 09, 2014Redação


Ahhh nostalgia, sensação boa, não? Ter este tipo de sentimento é algo gostoso e ao mesmo tempo saudável e divertido. O Mega Power Brasil traz hoje, um tipo de nostalgia diferente, uma nostalgia que só aqueles que vivenciaram o Fandom Brasileiro de Power Rangers. Apertem os cintos, a viagem será longa.

A Era de Ouro (Década de 90)

Popular no Brasil, a Revista "Herói" era uma das fontes de informação para os fãs de Power Rangers
e também de outras séries do gênero Tokusatsu
A história de "Power Rangers" é intimamente ligada com a trajetória dos Tokusatsus no Brasil. A franquia, que foi arrebatadora no inicio dos anos 90, perdurou por duas décadas e até hoje continua na ativa sendo considerada uma das mais longínquas séries de todos os tempos. Na época que a primeira temporada "Mighty Morphin Power Rangers" estreou nas terras canarinhas o acesso ao material era escasso e os fãs tinham que se contentar com publicações em revistas e recortes em jornais. As maior fonte provavelmente foi a extinta "Revista Herói", também responsável por mostrar as séries originais, Super Sentai. A Televisão brasileira extraiu o máximo que podia do produto durante a década de 90. Brinquedos, álbuns de figurinha, fitas em VHS e produtos especializados enchiam as prateleiras para a alegria das crianças na época.

A Era de Prata (Anos 2000)

Com o advento da internet, os fãs de "Power Rangers" começaram a se reunir e comentar sobre suas temporadas favoritas. O marco oficial foi em meados de 2004, quando o Orkut era febre no Brasil e as comunidades se tornaram verdeiros polos de debates e troca de informações.

"Power Rangers Total", fundada em 2006
Perguntamos a Edmar Feliciano, responsável por diversas comunidades na época sobre o surgimento do fandom: "O fandom iniciou forte mesmo em 2005. Esse ano explodiu! Eram comunidades e mais comunidades com temas de Power Rangers. Duas séries eram muito faladas: Dino Trovão e S.P.D". E ele ainda complementa, "Hoje se você for acessar o Orkut, ainda verá as mesmas comunidades, na mesma data".

Neste mesmo período, o YouTube se tornou uma ferramenta poderosa. Os usuários se tornaram verdadeiros compartilhadores de vídeos de suas séries favoritas e felizmente os vídeos não eram removidos, pois ainda não existia uma política forte de conteúdo oficial. Voltando ao Orkut, outro fator importante nos anos de ouro das comunidades, era o contato dos fãs com os dubladores das séries. Essas figuras icônicas participavam de debates e até entravam na brincadeira. Os "fakes" também se tornaram verdadeiros personagens e até criaram um blog em 2008, o "Porengilândia".

Quais foram as primeiras comunidades? 

Existiram diversas comunidades focadas à franquia, "Eu assistia Power Rangers" criada em 2005 foi uma das pioneiras. O fandom brasileiro se comunicava em comunidades mais especificas como "Power Rangers Total" criada no dia 10 de Agosto de 2006.

Existia a rixa entre fãs de Power Rangers e Super Sentai?

Edmar comenta, "Os Super Sentai e os Power Rangers se davam bem, se tinha, era uma parcela mínima". E completa, "A disputa não era Power Rangers versus Super Sentai, era quem conseguia mais material sobre o que estava acontecendo".

De onde eram as fontes das notícias?

As fontes eram de fórum especializados, ativos até hoje. Mystic Points (hoje conhecido como "Ranger Crew") e Ranger Board. Ambos sites norte americanos. Diego Paes Cuter, responsável pelo blog "Hikaruon Dekabase" conta que as informações vinham de scans de revistas, muitos deles vindos do "Modxtoy".

Existiam blogs e sites brasileiros?

Sim, existiam bastantes. Recentemente o Mega Power Brasil conseguiu catalogar um grande número de sites e blogs brasileiros, alguns inativos e outros ainda no ar, mas sem postagens novas. Os que mais se destacavam na época eram: Power Rangers Liga do Poder, Power Rangers Total, Rangers Online, Power Rangers Forever e um pouco tempo depois, o Rangers Stage, este último fundado por um antigo membro do site "Tokuschool".

A Era de Bronze (2009 até hoje)

Não precisa ser um perito em internet para saber que em meados de 2008 para 2009 o Orkut perdia forças para o recém chegado "Facebook". Obviamente, isso prejudicou as comunidades de Power Rangers e refletiu nos blogs dedicados, já que ambos eram bastante sinérgicos. O blog "Rangers Online" do usuário "Spider", foi um dos que mais resistiu às mudanças e ficou no ar até Julho de 2013.

O "fim" dos Power Rangers


Power Rangers RPM, um marco na história da franquia
Em 2009 os fãs dos heróis coloridos tiveram uma triste notícia: Power Rangers iria encerrar com uma última temporada, "Power Rangers RPM", pelas mãos da Disney. O fandom já se preparava para o pior e já começava a aceitar o fato de que iriam viver de reprises ou tentar assistir à remasterização de "Mighty Morphin Power Rangers". Fernando Nunes leitor do Mega Power BRasil comentou sobre o ocorrido,"Quando vi que Disney tinha desistido da franquia e que RPM seria a última temporada, fiquei extremamente chateado, mas também aliviado", e termina "Não fiquei aliviado por não gostar da franquia, muito pelo contrario, gosto tanto que achei que seria muito bom pois a Disney tinha deixado a franquia desgastada".

A volta da Saban, os fãs brasileiros se animam novamente

A primeira nota postada em um blog brasileiro sobre o retorno de Power Rangers foi no Rangers Online. Naquele dia, os rumores de que uma nova temporada estava sendo planejada, havia sido confirmado. "Nem tenho palavras para descrever, mas acho isso sensacional", disse Spider no seu blog. 2010 prometia ser um ano e tanto.

A ascensão do Facebook e o fim de um ciclo

Paralelo a esses acontecimentos, o Facebook continuava a crescer assustadoramente. Em poucos meses as comunidades no Orkut esvaziaram e começaram a surgir novas concentrações de fãs na nova rede social. Até então apenas dois sites se destacavam no fandom: Rangers Stage, que focava em notícias e distribuição de episódios e o Power Rangers Universe, um site que surgiu para oferecer também downloads. Um ano depois, outros sites e Fan Pages surgiram para fomentar a franquia no Brasil, o Mega Power Brasil (sim nosso site), que veio de uma derivação do Mega Hero (na época Toku Bahia) e a Power Rangers Brasil (Fan Page).

Os 20 anos de Power Rangers e o surgimento da Nova Geração


O anuncio da comemoração dos 20 anos agitou o fandom
Depois de dois anos de "Power Rangers Samurai", o fandom caminhava nessa nova geração dos Power Rangers e aguardava ansiosamente o ano de 2013, ano em que a franquia iria completar 20 anos de vida. Quando a Saban começou a deixar claro que iria comemorar esse marco, tivemos um "boom" de novos blogs, fan pages e grupos dedicados ao aniversário dos Power Rangers. O Mega Power Brasil surgiu como um blog dedicado aos 20 anos, funcionando dentro do Toku Bahia e grupos como "Power Rangers 2.0 Years" tentavam repetir o que as comunidades do Orkut faziam, criar um novo fórum de discussão.

No ar tínhamos: Rangers Online (pioneiro de longa data), Rangers Stage, Power Rangers Universe e agora o Mega Power Brasil. 2013 foi um ano bastante movimentado, as notícias agora chegam em tempo real e os sites "competiam" para quem iria postar primeiro. O anuncio de "Power Rangers Megaforce" fomentou ainda mais os sites e Fan Pages, e o fandom voltou a crescer assustadoramente. Novos grupos surgiram: Mega Power Brasil, Rangers Stage Online Grupo, Power Rangers Universe Grupo e outros sites pipocavam na internet, todos com um único intuito: Crescer novamente a marca dos Power Rangers no Brasil.

Em uma aliança inédita, o site Troll Fansubs e o Mega Power Brasil, passaram a se dedicar em legendar os episódios de "Power Rangers Megaforce" que estavam sendo disponibilizados online em sites como Hulu e Nick Online. Infelizmente tivemos uma perda imensa naquele mesmo período, o Rangers Online aberto em 2008 anunciou sua retirada oficial do Fandom, um prejuízo na época, visto que a maioria das notícias oficiais e curiosidades, eram trazidas por eles.

Os eventos no Brasil

Enquanto os novos sites e os sobreviventes da "Era de Prata" se adequavam aos moldes da nova geração, uma outra novidade chegava ao Brasil. Quando a Disney assumiu a franquia de Power Rangers em 2003, ao redor do Brasil tivemos vários shows dedicados as séries, isso atraiu muitos fãs curiosos mas nada se compara à sensação de conhecer o seu ator favorito.



Conhecida por fazer eventos voltados ao universo de "Chaves", a produtora "4 Fun Fest" se empenhou em trazer o ator Jason David Frank (depois de seu cancelamento em um evento da Yamato, o Anime Dreams) e começar a acostumar os fãs brasileiros a terem eventos aos moldes das convenções realizadas no exterior. A vinda de "Tommy" ao Brasil foi um sucesso estrondoso, vários sites noticiaram a chegada do icônico Ranger, e o antigo programa de Danilo Gentili, o "Agora é Tarde", fez uma entrevista televisionada com um dos personagens de mais forte apelo da franquia. O sucesso foi tão grande, que recentemente o ator Steve Cardenas (Rocky) repetiu a dose e veio ao Brasil se apresentando no dia 05 de Abril em São Paulo em um evento mais reservado.

Jason David Frank no "Agora é Tarde" em 2013
O Fandom ainda sofre algum problema?

Ainda hoje alguns fãs opinaram à cerca do fandom brasileiro, Breno Alves (Power Rangers Força da Zoeira, página de humor) comenta, "Já foi melhor, acredito que devido a Saban ter investido muito pouco em Super Megaforce, isso acabou desanimando um pouco os fãs, que acabaram deixando de lado a franquia." Edmar (Rangers Stage Online, o grupo) ainda completa, "Talvez a demora na exibição das novas temporadas no Brasil, tenha deixado muita gente impaciente, pois nada tira a emoção de assistir diretamente da TV, como era na época da saudosa Fox Kids, Jetix e um pouco do Disney XD" e encerra,  "Assistam descompromissados, apenas para curtir a história que a Saban tem feito, para curtir as lutas ou até mesmo para colecionar algum brinquedo. Power Rangers é o mesmo produto ainda, ontem, hoje e será o mesmo, sempre".

Aqui e agora!

Muita coisa ainda está para acontecer, em 2014 o fandom consegue respirar com mais facilidade e aquele medo de que Power Rangers acabasse ou que ficaria sem notícias das suas séries favoritas, acabou. Sites se reinventaram, novas páginas surgiram, grupos estão sempre movimentados e os verdadeiros fãs continuam a participar desse fandom fantástico.

Você também pode gostar

1 comentários

  1. Show de bola, parabéns pela matéria. Saudosa Herói, tenho quase todos os números da Herói, Herói Gold, Heróis do Futuro. cara, tenho tanta revista antiga, que tenho um armário com várias prateleiras cheias de revistas, Gibis do Homem-Aranha, mangás, nossa, eu sou um nerd mesmo.... Mas guardo tudo com muito carinho, foi uma éra muito boa na minha vida, guardava o dinheiro do ônibus da escola, e ia e voltava a pé, pra guardar dinheiro pra comprar brinquedos e revistas, nossa, como eu era feliz... Hoje ainda mais, pois posso comprar tudo que tenho direito, imaginem que até as garras do Wolverine eu consegui, minha próxima meta é a Adaga do Tommy, o Ranger Verde.... Ah, que saudade....

    ResponderExcluir

Parceiros

Apoio Apoio
Apoio