Revelada parte da equipe de produção de Power Rangers Dino Fury


Power Rangers Dino Fury será a sucessora de Beast Morphers (2019 - 2020) e primeira temporada inteiramente produzida pela nova detentora dos direitos da marca, a Hasbro. Dino Fury será uma adaptação do Super Sentai Ryusoulger que foi ao ar no Japão no ano de 2019. Enquanto não conhecemos os atores que irão interpretar os personagens principais, que tal conferir uma pequena parte da equipe de produção da temporada?

Simon Bennett, diretor de Ninja Steel (2017 - 2018) e Beast Morphers retorna agora como Showrunner da franquia. Ao seu lado quem também permanece da antiga equipe da Saban é o popular produtor Chip Lynn que no passado trabalhou com temporadas como Espaço (1998) e RPM (2009) e voltou à franquia em 2015 para produzir Dino Charge.

Quem também retorna para Dino Fury são os roteiristas Becca Barnes e Alwyn Dale, ambos trabalharam em Dino Charge, Ninja Steel e Beast Morphers.

"É muito bom ver todo esse amor por Power Rangers Beast Morphers, obrigada a todos! Alywn e eu estamos super orgulhosos do programa que fizemos e esperamos que vocês vejam o que a nossa equipe tem preparado para Dino Fury", comentou Becca em sua conta pessoal no Twitter.

Na trama de Power Rangers Dino Fury, "Quando um exército de poderosos seres alienígenas é libertado na Terra, ameaçando a vida como a conhecemos, uma nova equipe de Power Rangers, alimentada pelo poder pré-histórico dos dinossauros, é recrutada para lidar com a ameaça!". Acompanhe o Mega Power Brasil pra ficar por dentro de todas as novidades.
Revelada parte da equipe de produção de Power Rangers Dino Fury Revelada parte da equipe de produção de Power Rangers Dino Fury Reviewed by Mega Power Brasil on domingo, junho 28, 2020 Rating: 5

2 comentários:

  1. Jason mentor e ranger novamente, ensinando os novatos a chutar os aliens por 40 episódios. Seriam um sonho kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. seria legal se dino fury fosse o dino charge do universo principal com jason e billy de volta

      Excluir

Tecnologia do Blogger.