CCXP2016 Destaques

Filme de Power Rangers é apenas a ponta do Iceberg

sábado, dezembro 03, 2016Mega Power Brasil


O Mega Power Brasil participou da coletiva de imprensa no Sábado (03) da Comic Con Experience 2016 com o elenco de Power Rangers.

Muito cativantes, o elenco do novo filme de Power Rangers respondeu as perguntas dos jornalistas presentes e do Mega Power Brasil e mostraram que estão bastante ansiosos com o que está por vir em 2017.

Uma das perguntas mais frequentes para os atores foi sobre como o longa metragem irá representar os fãs de longa data data da franquia. "Tudo que é icônico de Power Rangers, está no filme", comentou Naomi Scott a Ranger Rosa. Os outros atores complementarem dizendo que o importante do filme é o que acontece com cada um dos adolescentes e que a parte de eles serem super heróis é uma metáfora do que eles estão passando na vida. Naomi ficou contente em poder interpretar a Kimberly a sua maneira e Ludi Lin (Ranger Preto) encerrou essa parte falando da importância da jornada do herói.

O Brasil foi um grande espetáculo para os atores. "Foi uma das maiores metrópoles que eu já conheci (São Paulo). Adorei a receptividade dos fãs no aeroporto", comentou Dacre Montgomery enquanto Naomi Scott e RJ Cyler (Ranger Azul) elogiavam a culinária local. Todos adoraram visitar o nosso país.

O trailer vazado no segundo semestre desse ano foi uma grande surpresa para todos. Dacre recebeu várias mensagens de parentes e amigos avisando sobre o ocorrido e uma hora depois o elenco se reuniu para assistir juntos. Naomi complementou falando sobre o segundo trailer, "Vai ter um novo trailer com muito mais coisas esse que saiu é apenas um aperitivo, tem coisas que vocês ainda não viram".

Elenco é ovacionado na coletiva de imprensa - Foto; Mega Power Brasil

Questionado sobre sua participação no longa, Ludi Lin disse que seu personagem irá ter uma aparição menor em comparação aos outros Rangers e que a maioria das cenas que aparecem no teaser trailer, não foram gravadas com ele. A sensação que os fãs tiveram com o primeiro trailer, ele também teve.

O Mega Power Brasil perguntou sobre a relação dos atores com a série original. Dacre comentou que não assistia muita televisão quando era pequeno, não tinha essa cultura de assistir. De 1994 até 1999 não tinha esse acesso a televisão, Power Rangers não era um programa que passava frequentemente na Austrália, "As referências que eu tenho é dos super heróis é que eles querem salvar o mundo". RJ Cyler não re-assistiu Mighty Morphin Power Rangers porque é um fã viciado e se lembra de tudo que aconteceu.

A criação dos personagens e suas cores também foi destaque na coletiva. Os atores frisaram mais uma vez que eles não interpretam a versão vista na série de TV. Ludi Lin comentou que a Kimberly é bastante diferente da clássica mas que seus elementos novos a tornam fantástica e aproveitou o momento para falar de sobre as cores dos heróis. "As cores representam o significado dado por cada ator. Qualquer pessoa poderia ser o Ranger Preto porque ele representa a ausência de todas as cores". Por fim RJ disse que se uma pessoa que não enxergasse as cores, para ela seriam apenas super heróis.

Ludi Lin prestou uma homenagem ao time do Chapecoense com uma bandeira chinesa - Foto: Mega Power BRasil

O momento final da coletiva foi focado nas expectativas para o filme. Dacre viu os efeitos especiais de várias cenas que ficaram prontos e que são magníficos na tela. "O Filme tem elementos para os fãs antigos mas também para pessoas que não tiveram oportunidade assistir a série como eu", comentou o Ranger Vermelho e completou, "É sobre adolescentes que não se gostam e acabam se conhecendo, se tornando amigos e espera que atinja pessoas de todas as idades".

Os atores frisaram que é um reboot e Ludi Lin aproveitou para falar que a proposta é fazer dos novos Rangers a referência para essa geração. E Dacre retorna, "Eu quero que vocês sintam-se tocados com o filme, que sintam a sensação de serem adolescentes novamente. Quando vocês forem no cinema, quero que sintam o que sentimos, o quanto nos empenhamos no longa".

Por fim, a pergunta final foi sobre o futuro da franquia e se existe a possibilidade dos atores voltarem a interpretar os Rangers. "Se as pessoas gostarem do filme, nós retornaremos para fazer mais um", falou Dacre. "Esse filme é só o começo, a ponta do Iceberg. O longa é sobre tornar-se um herói. Não é igual a série onde eles morfam a cada dez minutos, irá mostrar a evolução dos personagens", encerrou Ludi Lin.

Acompanhe no Mega Power Brasil toda a cobertura da Comic Con Experience 2016.

Você também pode gostar

3 comentários

  1. Muito legal saber do potencial dele. Gostei das palavras de Ludi Lin, temos que esperar um filme mais maduro e denso do que a série. Será uma grande surpresa.

    ResponderExcluir
  2. eu sou desenhista e no momento eu to fazendo um Fanfics dos power ranger em forma de HQ , a historia se passa em um momento bem difícil para os power ranger por conta do governo que esta reunindo forças para acabar com os ranger, por conta das grandes destruições que acabam ocorrendo nas batalhas travadas pelos ranger, então os power ranger entram em pé de guerra com o governo , no qual selecionou um grupo de três jovens que são órfãos e foram treinados , preparados biologicamente para derrotar os Rangers, mas possa ser que um dia os power ranger voltem a ser uma necessidade para a humanidade . Bem é isso e como vocês são grandes admiradores de power ranger eu gostaria de saber a sua opinião a respeito dessa historia que eu venho criando e complementando .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esdras, sua trama parece ser interessante. Caso queira algum leitor beta, por favor comente seu e-mail para entrar em contato.

      Att. Pedro Martins

      Excluir